Buscapé acusa Google na Justiça de práticas monopolistas - Asplan Sistemas

Buscapé acusa Google na Justiça de práticas monopolistas

São Paulo – Pioneiro no mercado de sites especializados na comparação
de preços de produtos em varejistas físicas e virtuais, o Buscapé
resolveu comprar briga com ninguém mais, ninguém menos que o gigante das
buscas, Google.

A empresa liderada por Eric Smith lançou no Brasil em setembro
deste ano o serviço Google Shopping, que tem funcionamento similar,
senão igual, a outros sites como Buscapé e Bondfaro.

Até aí tudo bem não fosse a desconfiança de seus concorrentes
brazucas acerca da veracidade do resultado oferecido pelo Google quando
um consumidor procura por sites que ofereçam o serviço de comparação de
valores, por exemplo. 

Por este motivo, o Buscapé resolveu então registrar uma queixa
formal contra o Google no Ministério da Justiça. “Vamos mostrar que o
mercado está sendo prejudicado por práticas discriminatórias”, explica o
vice-presiente de operações do Buscapé, Rodrigo Borer. 

Duas queixas formam a representação. A primeira delas, explica
Borer, é em relação ao resultado que o Google Shopping obtém nas buscas
no Google. “Sabemos que quando a empresa lançou este novo serviço,
privilegiou a posição do Google Shopping em detrimento dos outros
sites”, pontua. E, ainda de acordo com ele, o Buscapé pode provar
tecnicamente que os resultados das buscas no Google são “artificiais e
manipulados”.

A outra reclamação, um pouco mais polêmica, é que o Google
Shopping aparece visualmente “diferente” de todos os outros links para
sites da concorrência, com imagem dos produtos, estrelas e valores
apresentados ainda na página da busca.

“O Google é monopolista nas buscas na internet e temos provas
de que a empresa privilegia seus produtos em detrimento ao algoritmo
usado para a concorrência”, enfatiza o vice-presidente.

Bom, o Buscapé é firme ao dizer que a concorrência “é
bem-vinda” e, procurada pela reportagem, a assessoria de imprensa que
representa o Google no Brasil declarou em nota que a empresa não foi
notificada e nem tem conhecimento sobre o processo.

Fonte: http://info.abril.com.br/noticias/mercado/buscape-acusa-google-na-justica-de-praticas-monopolistas-21122011-49.shl

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *