Duolingo já produz textos melhores que os do tradutor do Google - Asplan Sistemas

Duolingo já produz textos melhores que os do tradutor do Google

O projeto Duolingo,
que oferece cursos de línguas gratuitos em troca de ajuda para traduzir
páginas da Wikipédia e outros sites de conteúdo aberto, já está
conseguindo fazer traduções melhores que as de software automático.
Mesmo contando apenas com alunos de nível básico no início, o sistema já
produz textos com qualidade superior ao de programas como o do Google
Tradutor.

Por enquanto, o Duolingo está funcionando apenas em versão beta para convidados. A reportagem da Folha
testou o curso de alemão para falantes de inglês. Em duas aulas
virtuais, contribuiu para a tradução de verbetes da Wikijunior –versão
da Wikipédia para crianças– enquanto aprendeu alguns conceitos básicos
da língua alemã.

Reprodução
Duolingo pede a tradu??o de uma frase para o ingl?s
Duolingo pede a tradução de uma frase para o inglês

Um dos recursos mais interessantes do site é a interação via som, que
requer um microfone. Ao enunciar as palavras que aprende, o estudante
submete uma gravação ao Duolingo, que usa um software para analisar se a
pronúncia está correta. Quem tenta pronunciar sons apenas de maneira
aproximada é obrigado a repetir uma frase até que o site a reconheça
como correta.

Após passar por uma lição, o aluno é convidado a traduzir algumas frases
retiradas da internet. Existem sistemas separados de pontuação para
lições e para traduções, e é preciso somar pontos para poder avançar no
curso. Quem já tem um pouco de familiaridade com a língua pode fazer
testes que permitem avançar diretamente para níveis mais avançados.

Alunos avaliam a qualidade das traduções uns dos outros. Depois, é
possível ver a versão final de um texto inteiro, construída em
colaboração. Traduções de frases votadas como ruins são excluídas e
substituídas por traduções que tiveram boa votação.

Reprodução
Tela de grava??o do Duolingo, que avalia a pron?ncia
Tela de gravação do Duolingo, que avalia a pronúncia

A Folha comparou o resultado da tradução de um verbete com uma
outra feita pelo Google Tradutor. Erros típicos de inteligência
artificial, como confundir substantivos próprios com substantivos
comuns, não são cometidos pelos alunos humanos. Quando uma palavra
aparece, o usuário tem acesso imediato aos vários significados
oferecidos por dicionários, e uma pessoa tem mais facilidade do que um
computador para perceber qual deles é o certo, porque entende o contexto
da frase.

Um verbete sobre “Regen”, por exemplo, uma cidade no sul da Alemanha, é
traduzido no Google Tradutor como “chuva” –uma conversão literal que
não funciona. No trecho analisado pela Folha, o Duolingo não cometeu esse tipo de erro nenhuma vez, apesar de a estrutura de algumas frases ter ficado meio redundante.

O Duolingo deve abrir o site para o público geral até o fim do ano. Quem
pleiteia uma senha deve deixar o e-mail no site agora. Por enquanto, o
site só trabalha em inglês, espanhol e alemão. O serviço em português
tem lançamento prometido para março de 2012, depois da abertura de
francês, italiano e chinês.

Reprodução
Duolingo parabeniza por desempenho perfeito
Duolingo parabeniza por desempenho perfeito

Fonte: http://www1.folha.uol.com.br/tec/1018210-duolingo-ja-produz-textos-melhores-que-os-do-tradutor-do-google.shtml

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *