Nova versão do ChromeOS traz sistema mais parecido com Windows - Asplan Sistemas

Nova versão do ChromeOS traz sistema mais parecido com Windows


O Google lançou uma nova versão do ChromeOS,
sistema operacional que funciona centralizado na web, após cerca de um
ano desde o anúncio da plataforma, em maio de 2011. A atualização traz
diversas mudanças no design e funcionalidades do sistema, o que o deixou
sua interface mais parecida com a de um sistema operacional
tradicional, como o Windows. As modificações, no entanto, ainda estão
disponíveis apenas na versão para desenvolvedores do ChromeOS. Confira
no vídeo abaixo como é a nova interface do ChromeOS:

O ChromeOS é baseado na computação em nuvem, uma tecnologia bastante
usada por serviços online que armazenam arquivos em servidores que podem
ser acessados pela web a partir de qualquer dispositivo conectado. O
sistema foi desenhado para rodar em máquinas com pouco processamento e
memória, já que toda a carga de processamento é realizada na nuvem, bem
como o armazenamento dos arquivos. Atualmente, o sistema está disponível
em notebooks da Acer, Asus e Samsung. A nova versão do sistema, no
entanto, não será suportada pelos primeiros modelos de notebooks com
ChromeOS.

As mudanças que estrearam hoje na versão Aura, no entanto, mostram
uma mudança no conceito original do ChromeOS, que era operado de uma
janela do navegador Chrome para a web, após acessar o sistema com seu
nome de usuário e senha do Google. Todos os aplicativos eram iniciados a
partir do navegador de internet e instalados somente a partir da Chrome
Web Store. Agora, o ChromeOS possui uma barra de tarefas onde atalhos
dos aplicativos podem ser fixados – como no Windows.


Foto: Divulgação

Em sua primeira versão, ChromeOS funcionava totalmente centralizado no navegador Chrome

Na época em que o ChromeOS foi lançado, Sergey Brin, cofundador do
Google, chegou a afirmar que a interface atualmente adotada pelos
sistemas operacionais, como Windows e MacOS, estava “torturando” os
usuários. Ele afirmou, também, que o ChromeOS era o resultado de um
“redesenho do sistema operacional da maneira como ele deveria ser”. A
mudança, contudo, pode indicar que o Google esteja adotando uma postura
menos radical, de modo a conquistar um maior número de usuários.


Fonte: http://tecnologia.ig.com.br/nova-versao-do-chromeos-traz-sistema-mais-parecido-com-windows/n1597737646014.html

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *