Professores da rede pública receberão quase 600 mil tablets em 2012 - Asplan Sistemas

Professores da rede pública receberão quase 600 mil tablets em 2012


Governo brasileiro vai gastar mais de R$ 150 milhões com os equipamentos; portáteis serão usados em conjunto com lousas digitais.

No segundo semestre deste ano, o MEC (Ministério da Educação) deve
iniciar a distribuição de quase 600 mil tablets para professores da rede
pública de ensino, segundo informações da Agência Brasil. O objetivo é que esse equipamento chegue a 62.230 escolas.

Para
que isso seja possível, o governo vai desembolsar entre 150 milhões e
180 milhões de reais. A licitação foi iniciada em dezembro de 2011, com o
objetivo de adquirir 900 mil aparelhos de fabricação nacional, com
telas entre  7 e 10 polegadas.

Digibras e Positivo venceram a
licitação, mas o contrato só deve ser fechado somente em abril, pois o
Inmetro ainda precisa avaliar se os produtos atendem às exigências do
edital.

O governo pagará quase R$ 300 pelo tablet de 7 polegadas e
aproximadamente R$ 470, pelo de 10 polegadas. Segundo o  ministério, o
equipamento de 7 polegadas custa cerca de R$ 800, normalmente.

O
programa vai começar com a distribuição de equipamentos para os
professores porque o MEC acredita que o projeto tem mais chances de
sucesso se o docente dominar o equipamento, antes do tablet chegar ao
aluno.

“A inclusão digital tem que começar pelo professor. Se ele
não avançar, dificilmente a pedagogia vai avançar”, afirmou o ministro
da educação, Aloizio Mercadante, à Agência Brasil. Cursos de capacitação
presencial e a distância vão ser oferecidos ao professor.

Segundo
o ministro, com o tablet o professor poderá preparar as aulas, acessar a
Internet e consultar conteúdos como revistas pedagógicas e 60 livros
que estarão instalados no equipamento. Estarão disponíveis conteúdos
para aulas como física, matemática, biologia e química.

As aulas
preparadas no tablet serão apresentadas por meio da lousa digital. No
ano passado já foram entregues 78 mil desses equipamentos.

Depois
dos professores do ensino médio, será a vez dos docentes do ensino
fundamental. Ainda não há previsão sobre quando os alunos receberão o
equipamento.

Fonte: http://idgnow.uol.com.br/internet/2012/02/03/governo-brasileiro-vai-gastar-mais-r-150-milhoes-em-tablets-em-2011/

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *