Negócio Escalável

Já ouviu falar de negócio escalável? Confira agora!

Você já percebeu que há um boom de empresas que surgiram há pouco tempo e tiveram um crescimento exponencial em curto tempo? Pois é, muitos negócios, principalmente startups, estão ganhando grande destaque em um ritmo extremamente acelerado. Mas afinal, como eles conseguem isso sem colocar a vitalidade da empresa em xeque?

A resposta para isso é mais simples do que você imagina! Pois é, elas estão em um modelo de negócio escalável. Esse novo formato tem a ideia, justamente, de preparar-se previamente para um crescimento rápido e mantê-lo funcionando adequadamente.

Quer saber mais sobre o tema? Continue lendo e tire suas dúvidas!

O que são negócios escaláveis

Os negócios escaláveis são aqueles que permitem aos gestores a multiplicar o faturamento em curto prazo, sem precisar para isso aumentar as suas despesas. Com isso, o crescimento é realmente acelerado e não há necessidade de investimentos para expansão a curto prazo.

Como funcionam os negócios escaláveis?

Negócios escaláveis normalmente funcionam com a comercialização de um produto ou serviço em larga escala, de forma que é possível reproduzir o produto a custo muito baixo. Ou seja, você pode expandir a cartela de clientes sem precisar necessariamente aumentar gastos com produção.

Para entender melhor, imagine a venda de cadernos artesanais. Para conseguir mais clientes, você precisará ter mais material, pessoas para dar conta da demanda de produção sem precisar estender prazos, entre outros. Isso exige investimento em médio prazo.

Nos negócios escaláveis a expansão da atividade não exige isso. Por exemplo, quem comercializa cursos online pode vender o serviço para mais pessoas. Ele já está gravado, hospedado em uma plataforma, basta que ela suporte o aumento no número de acessos a curto prazo. Simples, não?

Quais as vantagens dos negócios escaláveis?

Os negócios escaláveis ganham cada vez mais visibilidade justamente por serem altamente vantajosos. Vejamos a seguir os principais benefícios:

  • melhor qualidade de entregas por ter processos padronizados;
  • maior visibilidade no mercado;
  • expansão acelerada do negócio;
  • possibilidade, muitas vezes, de atuação internacional;
  • ótimo custo-benefício;
  • pode existir com poucas pessoas e uma estrutura simples (dependendo do produto), o que viabiliza sua existência.

O que torna um negócio escalável?

Para que o negócio seja considerado escalável, é preciso que ele tenha algumas características fundamentais para isso. Mas você sabe quais são? Algumas delas são:

  • ter uma alta demanda do mercado para a área;
  • ter um modelo ampliável de negócios;
  • operar com padronização de produtos;
  • trabalhar com automação de processos.

Mas isso ainda é um pouco abstrato, não é mesmo? Para que você entenda melhor, vamos falar a seguir sobre quais áreas possuem negócios escaláveis:

  • desenvolvimento de softwares e apps;
  • economia colaborativa;
  • fintechs;
  • cursos online, entre outros.

Os negócios escaláveis são o futuro organizacional. Isso porque com a possibilidade de crescimento gerada pelas tecnologias, torna-se cada vez mais importante criar formas de expandir a atuação da sua empresa no dia a dia.

Gostou de saber sobre o tema? Então, assine a nossa newsletter e receba outros conteúdos exclusivos que auxiliarão no crescimento da sua empresa. E se está em busca de automatizar os processos na sua empresa, fale com um de nossos consultores!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.